domingo, 9 de dezembro de 2012

Entrevista para o Diário de Mallorca

Um belo dia, demos, nós do CsF que estamos aqui, de cara com um e-mail nos convidado a dar uma entrevista para o jornal local, o "Diário de Mallorca". Apareceríamos na sessão da universidade no jornal. A entrevista era para falar sobre nossa experiência na UIB e sobre o acordo que a universidade fez com o governo brasileiro para que o Brasil pudesse enviar seus alunos para estudar aqui.


Socorro dando entrevista! Adoro as caretas da Marla! rsrsrs












No dia da entrevista tive que me arrumar um pouco mais que o costume, claro, e cheguei um pouco atrasada. Mas não tão atrasada quanto o Carlos, que por segundos não perdeu a foto de todos nós segurando a bandeira do Brasil!!!


















Basicamente tivemos que dizer nossos nomes, o curso que fazíamos, a universidade do Brasil de onde tínhamos vindo e falar sobre o que estávamos achando da experiência. E foi assim que eu saí em um jornal espanhol! rsrs


Adoro as caretas da Marla! (2)

Adoro as caretas da Marla! (3)



Não lembro o que eles estavam vendo de tão interessante!


Alguns dias depois da entrevista, na quinta-feira na qual a edição semanal do jornal sai, voltando da universidade, passei na tabacaria e comprei o jornal pra guardar de recordação. E lá estávamos nós! Assim:






Infelizmente a entrevista está em catalão! Mas tenta aí, vai! É bem parecido com o espanhol e com o português, com uma pitada especial de francês. Com esforço você consegue entender! rsrsrs


Hasta pronto o/

sábado, 8 de dezembro de 2012

Cocinas del Mundo

 
Algumas semanas atrás, eu e o "meu pessoal" fomos a uma espécie de feira gastronômica, com comida de vários países. Comida para todos os gostos! Levei minha câmera, mas não com a intenção de tirar fotos para um posterior post. Então, não tirei fotos de todos os "estandes" e das maravilhosas comidas. 

Mas, se ajuda vocês a imaginarem melhor, descrevo um pouco o "evento"... Era um grande espaço, com um palco no fundo, com apresentações de dança e música de cada país revezando. As barracas de cada país ficavam nas duas laterais e o meio era preenchido por mesas e mais mesas. 






Argentina, Paraguai, Alemanha, Grécia, Japão, Turquia, Índia, Itália, EUA, outros vários e, é claro, Brasil... A barraquinha do Brasil tinha brigadeiro, beijinho, coxinha, guaraná antártica (eles são muito tristes aqui, pois simplesmente não existe nenhum refrigerante de guaraná por essas terras), mousse de maracujá, bolo de milho e etc... Todas essas coisas gostosas que nós brasileiros sentimos falta quando estamos longe do nosso país.

Comi um pedaço de pizza da barraca italiana, muito a contragosto, depois que descobri que era uma pizza feita, basicamente, de fungo! Não estava ruim, mas aquele negócio preto era no mínimo nojento! O pessoal estava doido pra comer carne, carne de verdade, já que a carne que eles comem aqui não é nem de longe de tão boa qualidade quanto a que temos no Brasil. Então, tiveram alguns de nós que simplesmente se passaram para as costelas e churrascos! *-* 













Um viva às deliciosas sobremesas do Paraguai, pois quando fui atrás do mousse de maracujá, já tinha acabado! Tive que voltar no dia seguinte para comer o mousse, né gente?! rsrsr A verdade, é que as minhas fichas do dia anterior tinham sobrado e não era possível devolvê-las, você teria que consumir. Então, voltamos todos lá e eu comi as asinhas fritas da barraca dos EUA e o mousse! *-* 








Foram noites bem divertidas em que nos demos ao luxo de uma refeição que não era fastfood e que não foi feita nas nossas cozinhas. Além do fato de que é sempre um bom tempo gasto esse que é passado com o pessoal aqui. 

Comprovem por si mesmos e vejam se não tenho razão pra amar...


Marla comendo sua sobremesa como uma Lady!

Adoro essa foto! (Socorro e Petra)

Carlos engraçadinho como sempre!



Alina e a melhor risada!




Carol e sua fofura sem fim!




Sávio e a foto que me fez ter a maior crise de riso que posso me lembrar!




Willian pego no flagra!


Viram? Difícil não ser feliz...

Hasta pronto o/

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

My Home Sweet Home in Palma

Esse post, como diversos outros que ainda virão, deveria ter saído bem antes, mas... Uma parte da demora foi devido a dificuldade em ter o apartamento arrumado o suficiente pra "tomar" fotos. Também não vá pensando que isso aqui é um chafurdo! Afinal de contas, somos 4 garotas morando aqui e nem a pior bagunça que fazemos chega perto da menor bagunça do apartamento dos nossos amigos garotos! rsrs







Mesmo fazendo pouco tempo que moro aqui, já tenho um carinho todo especial pela minha "casinha", que na verdade é um apartamento... Moramos no décimo andar, a fria cobertura de um prédio que fica em uma área bem central da cidade, bem perto da estação intermodal de transporte e em cima de um dos diversos supermercados, Mercadona, que existem espalhados por Palma.








 
Tudo o que você puder imaginar tem aqui pertinho do apartamento... O banco onde pagamos o aluguel, a companhia de energia, uma loja da nossa operadora de celular e internet, uma papelaria, uma farmácia, uma peixaria, uma frutaria, um café, lojinha de chinês (aquelas q tem tudo no mundo e mais algumas coisas), um bar, lanchonetes, padaria, cinema, uma academia de dança e ginástica... Tudo isso sem andar mais que 3 ou 4 quarteirões... 







   
Não é um apartamento tão grande, a não ser que você leve em conta a área da varanda, que é bem grande para um apartamento.  São três quartos: um menor, onde dorme a Tiarla; um com uma cama de casal, que é o da Carol; e um com duas camas de solteiro, onde ficamos eu e Socorro. A divisão foi feita através de sorteio, simples, fácil e justo...



A sala não é tão grande, muito menos depois que tivemos que levar para lá a mesa do menor quarto, para a Tiarla poder se instalar. Mas ela também não é tão pequena, então está ótimo. Não sei se vocês notaram a falta da televisão. É que nós não temos uma!!! No começo ainda pensamos de comprar, mas é algo que não faz taaanta falta. Claro que vez ou outra temos vontade de assistir TV, mas como nós já quase não assistíamos TV no Brasil, não fez tanta diferença.  Além do mais, as emissoras e os programas de televisão aqui são terríveis! Não reclamo mais da televisão brasileira...




A cozinha é bem pequena e duas pessoas cozinhando nela já são capazes de gerar alguma confusão - Carol e Socorro que o digam. Mas, pelo menos por enquanto, temos espaço suficiente pra guardar todas as coisas. A geladeira também é bem pequena, mas tá dando conta do serviço. O fogão é elétrico e também temos um microondas. Graças aos céus, a torneira tem água quente também ou, nesse inverno, já teríamos congelado as mãos na água super fria da torneira. O que sinto bastante falta aqui é de uma sanduicheira e de um liquidificador. Além da panela de pressão, é claro, pra fazer um feijãozinho com mais frequência.











   





   
O banheiro também é pequeno, mas adivinhem... Tem uma banheira! Na qual eu nunca tomei realmente um “banho de imersão”. É um fato engraçado sobre os banheiros aqui, isso de que todos os chuveiros são sobre uma banheira. Então, você sempre tem que entrar na banheira para tomar banho. Mas quem reclama desse pequeno detalhe quando se tem água morna para banhar todo dia? Ainda mais no frio que anda fazendo... Outra coisa curiosa é que a lavadora fica dentro do banheiro!  E uma curiosidade a mais é que, aqui, eles colocam o papel higiênico dentro do vaso e dão descarga, em vez de pôr no lixeiro!
















A lua tava linda ontem, então tirei essa foto da janela do quarto!

Sobre o meu quarto, o que eu tenho a dizer?! É grande o suficiente para mim e para a socorro. Tem uma janela que ilumina bastante e isso já me faz muito feliz. O meu quarto na minha cidade (Piripiri, não Teresina) é muito escuro, graças à reforma que minha mãe fez na casa e acabou com a fonte de luz que ele tinha. A cama não tem seu melhor design e, definitivamente, não é o melhor colchão que eu já dormi e muito menos o melhor travesseiro que já deitei minha cabeça, mas... O bom é que tem uma mesa bem grande para estudar. O guarda roupa é bem pequenininho, mas como eu tenho pouca coisa, cabe bem. Pelo menos até agora. Vamos ver até o final do intercâmbio...










     










  
Por último, mas não menos importante, tem a varanda. Deixei por último para poder mostrar em sequência algumas das fotos que tirei lá. A vista é realmente muito bonita, se pode ver as montanhas rodeando a cidade de um lado. E do outro é possível ver o mar e a linda catedral de Palma. Sem contar no pôr do sol com o qual temos sido presenteadas todos os esses dias.

Tiarla na foto. Depois de tirar a foto, fiquei morrendo de inveja! rsrs







E não posso deixar de falar que sempre podemos avistar a tormenta vindo do norte.





   

Na verdade, conseguimos ver do apartamento não só o pôr do sol, mas o nascer do sol também!


Sol nascendo pela janela da do quarto da Carol!




Uma coisa a esclarecer é que alugamos o apartamento completamente mobiliado, com panelas, pratos, talheres e copos. TUDO! Só entrar e viver...


E é isso! Realmente gosto de onde moro.


Hasta pronto! o/

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

As principais coisas sobre Palma...

Como disse no post passado, elaborei este post em tópicos para melhor entendimento geral e uma organização mais satisfatória. Vamos então ao que é legal saber sobre Palma, pra quem vem morar ou passear...



Clima

Cheguei no verão, estou passando pelo outono e o inverno já está começando a dar as caras... Para resumir bem as coisas, eu poderia apenas dizer que Palma é completamente imprevisível. Tão imprevisível que as previsões de tempo estão erradas em 80% das vezes. O mundo pode parecer que vai cair e o céu pode ficar da cor cinza-como-nunca-vi-antes e não chover, no final das contas.



Outros dias, porém, o céu está normal, mas você vai dormir e acorda de madrugada com o mundo caindo e os trovões causando uma confusão mental em você...

Quando cheguei em setembro, estava bem quente, ao menos para os padrões do pessoal que veio de outras regiões do Brasil. Pra mim estava, bem... Temperatura normal para cedo da manhã e fim de tarde na minha cidade... Um tempo maravilhoso para ir à praia. Pela manhã variava de 30° a 32°C e de noite fazia cerca de 21°. O outono inteiro, até dias atrás variou com temperaturas entre 18° e 12°C... E como eu falei do inverno que já está querendo aparecer, já chegamos a 6° durante a noite. A última semana foi bem friinha, com temperaturas entre 14° e 10°C. Mas ontem e hoje, pela manhã e tarde, estava um tempo maravilhoso, cerca de 17°C. 

As pessoas costumam dizer que o inverno daqui não é rígido, que a temperatura nunca cai tanto assim e que não neva... Mas em fevereiro desse ano nevou!!! Acho que faziam 60 anos que não nevava ou coisa assim.




























Vejam só... Essa foto foi tirada do facebook de uma colega de universidade.


O que mais eu posso dizer? Tirem suas próprias conclusões sobre o clima e o tempo por aqui... Depois que todo o inverno tenha passado e a primavera chegue, deixo vocês saberem se teve neve ou não (se eu congelei ou não)...






























Custo de Vida

Apesar de que sabemos que tudo aqui é um pouco mais caro porque é uma ilha e o abastecimento é mais caro, o custo de vida não é alto... Mesmo se você considerar o valor do euro. A maioria das coisas é bem mais barata que no Brasil. Sapatilhas, por exemplo, são absurdamente baratas. As mais lindas sapatilhas que já vi na vida, as vi aqui, por preços que não ultrapassavam 25 euros, que são cerca de 70 reais no Brasil. Não sei você, mas eu dificilmente acho sapatilhas bonitas a esse preço no Brasil... Chamo atenção para o fato de que você encontra sapatilhas lindíssimas aqui por bem menos. 10, 12, 15 euros em sapatilhas lindas... Comprei uma com o bico todo de strass semana passada por 10 euros! Vou levar uma mala só de sapatilhas! rsrsrsrsrs Roupas, em geral também são MUITO mais baratas que no Brasil...

Mas vamos às coisas realmente importantes... Moradia! É caro! principalmente se você for converter os euros em reais... Para alugar um apartamento com três quartos, sala, cozinha, banheiro, em uma localização boa, você gasta de 700 a 800 euros! E nesse valor só está incluso o condomínio e, em alguns casos, a água.  Eu e mais três meninas, que apresentarei pra vocês depois, alugamos um apartamento de três quartos (dois grandes e um pequeno), uma sala razoável, cozinha e banheiro, com condomínio e água inclusos, por 750 euros. Temos ainda os gastos com internet e luz, que não são tão grandes. Nosso fogão e nosso chuveiro são elétricos, mas não temos TV nem aquecedor. Nossa luz não passou de 15 euros até agora. Quanto à internet, pagamos 38 euros por uma internet supostamente de 20mb. Não é tão boa quanto era pra ser, mas tá bem melhor que a que eu tinha no Brasil... 

Supermercado se resume a "MERCADONA". Tem um a cada 100 metros! Não importa em que lugar da cidade você viva, terá um mercadona bem perto de você. Posteriormente, farei um post só falando sobre os preços dos produtos alimentícios e etc. O que é preciso saber é que há muitas coisa bem mais baratas que no Brasil, mas hoje comprei uma margarina de 500gr por 3 euros, 8 reais! Sim, tinham mais baratas, mas a qualidade era péssima. Okay, eu sou exagerada. A maioria das coisas é muito mais barata. Pizzas inteiras por 2 euros, vinhos por 1 euro, sabonete e shampoos absurdamente baratos. Chega a ser ridículo! O que é bem mais caro aqui são as carnes (de boi e de frango tb), as frutas e algumas verduras. Aquelas que nós sabemos que são de um clima diferente do daqui. O termo "a preço de banana" aqui tem o significado completamente o contrário, porque um cacho de banana aqui geralmente sai por uns 4 euros... Ou seja, praticamente tudo que é industrializado é bem barato. 

Para quem vive aqui, o passe livre de ônibus, para usar o mês inteiro, quantas vezes quiser, custa 20 euros. O mesmo passe, mas para o metrô, custa 27 euros. Você também pode apenas colocar um valor x de recarga no cartão e a cada "viagem" que você faz o valor da passagem é descontado. Cabe a você escolher como fica melhor...

No final do mês, colocando 190 euros de aluguel, 30 de transporte, 20 de luz e internet e 100 de supermercado, meus gastos com necessidades básicas essenciais não ultrapassam os 350 euros. Claro que sempre tem um lanche acolá, um cinema ali e outras coisas com as quais todo mundo gasta...

Transporte



 
A foto acima é da Estação Intermodal Plaça Espanya, a estação principal de metrô e trens. Não se pode ver na foto, mas é também aí, antes de descer as escadas rolantes, que passam praticamente todas as linhas de ônibus da cidade. Como o nome sugere, ela fica em frente à Plaça Espanya, principal praça da cidade. Se você viver aqui algum dia, provavelmente é aí que você vai marcar de se encontrar com quem quer que seja para irem onde for...

O transporte público é super eficiente. Em todas as paradas de ônibus você pode encontrar uma tela dizendo quanto tempo falta até que cada ônibus chegue. Além disso, muitas paradas tem um mapa de transporte por toda a cidade e todas as paradas contém um informativo com nome e número de todas as paradas de cada ônibus que passa ali. E bem, congestionamento aqui é meio incomum... Em três meses devo ter pego umas 3 vezes... E quanto ao metrô, ele te leva não apenas dentro da cidade, mas também para as cidades vizinhas.

Essa foto é do Carlos, então não sei quando foi tirada, mas acredito que seja de um sábado ou domingo. De outra forma, o L19 (que passa de 15 em 15min) nunca demoraria 57 minutos pra passar. Muito menos o L2 demoraria 27minutos.


 
O passagem de ônibus e de metrô custam 1,50 euros. Apenas o ônibus que te leva ao aeroporto é mais caro, 2,50 euros. Sim, é meio carinho, mas é o preço que se paga pela qualidade do serviço. Você dificilmente encontra ônibus com ar condicionado ou aquecedor no Brasil. E muito menos tem um painel no ônibus indicando e anunciando qual a parada que você está e a parada seguinte...

Uma coisa legal aqui, assim como algumas cidades da Espanha, é que você pode alugar bicicletas. O aluguel para o dia é 3 euros. Você pode pegá-las na estação intermodal e devolvê-las também ali ou você pode pegar em um dos locais de bicicleta que estão pelas ruas e devolver em qualquer outro lugar da cidade onde também hajam os devidos locais para devolvê-las...


Para se divertir

Não faltam bares, boites, restaurantes, lanchonetes e cafés de todos os tipos para ir. O passeio marítimo, parte da cidade que fica à beira-mar, tem um sem número de lugares para ir dançar, beber e derivados. Eu não costumo frequentar, mas os outros intercambistas, sim e, pelo que se ouve falar, é bem agitado. 

Boite onde aconteceu a festa dos intercambistas da UIB.


Os fast foods também estão todos por aqui... McDonalds, Burger King (meu preferido, mesmo eu não sendo fã de fast foods), KFC estão espalhados pela cidade. E, para quem pretende engordar um pouco menos, tem o Subway...

Sim, a intenção era que o rapaz chamasse mais atenção que o KFC ali atrás, porque o rapaz era realmente bonito...



  
El Corte Inglés (um em cada esquina, quase literalmente), Porto Pi e Festival Park são os shoppings que você pode visitar. Algo que irrita alguns aqui, e que eu acho estranho também, é o fato desses dois últimos shoppings serem a céu aberto. É como andar numa rua cheia de lojas, mas mesmo assim são shoppings. Não dá pra entender. Vale comentar que o "El Corte Inglés" é apenas para compras. Não se iluda pensando que vai chegar lá e sentar na praça de alimentação vendo o povo passar. E você também não tem a opção de, de repente, querer ir no cinema, ir direto na bilheteria e comprar seu ingresso pra ver um filme dali 10 minutos. Sem comida e sem cinema no "El Cortês", como diz uma amiga...


El Corte Inglés da Jaume III


Os shoppings vendem do mais barato ao mais caro... Além dos shoppings, para quem quer fazer compras, existem as próprias lojas, concentradas em sua maioria nas ruazinhas próximas à Plaça Espanya e cerca da Jaime III. De C&A e H&M até Hugo Boss, Mont Blanc... Se você é rico de doer, não se preocupe, vai encontrar "produtos" Gucci, Prada, Louis Vuiton, Channel, Tommy para vender no El Corte Inglés ou na própria loja... 

Também tem vários cinemas na cidade... Um bem legal na Ocimax (uma espécie de shopping também, embora não seja bem isso), e o maior e melhor de todos no shopping Festival Park. Eles têm a tecnologia IMAX lá...  YEEEY!!! rsrs 

Ah, aqui eles tem as famosas "Rutas Martianas", que são, na verdade, uma "tradição". Todo "martes", ou seja, terça-feira, as pessoas saem de bar em bar, tomando uma "caña" com "tapas"!!! Explico... Tomando um copo de cerveja acompanhado de aperitivos variados... Você paga a caña e "ganha" as tapas...

Além disso, tem todas as praias, boliche, paintball... Agora está tendo, também, por causa do inverno que se "aproxima feroz", uma pista de patinação no gelo do lado da intermodal... E se você quer saber um pouco mais sobre a parte turística da cidade é só ler os posts passados onde eu falo do Palma Aquarium, do Castelo de Bellver", do Exército Terracota e etc. Tem algumas coisas que eu ainda não visitei aqui também, como a Catedral, que é líndíssima vista aqui de cima da varanda de casa... 

Beira-mar (passeio marítimo)


E, é claro, se você está em Palma para morar ou apenas para passear, você não pode deixar de visitar algumas das cidades e praias vizinhas... Sóller, Valdemossa, Magaluf, Alcúdia, Es Trenc, Sa Calobra (por favor, não deixe de visitar Sa Calobra) são imperdíveis. Em breve vocês verão posts com vááárias fotos de todos esses lugares, que visitei em um final de semana de passeios pela ilha...


Saindo da Ilha

Aos que vêm morar aqui e estão preocupados com a sua locomoção para outros lugares, cidades, estados  ou países, só posso dizer "relaxem"... Palma tem um aeroporto bem grande para a cidade. E, o mais importante, com vôos internacionais! Compre sua passagem, em uma das várias companhias Low Cost, e boa viagem, pra qualquer lugar da Europa!



Ufa, consegui terminar! Espero que tenha esclarecido as dúvidas de quem as tinha e ajudado quem precisava...

Hasta pronto o/
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...